As principais doenças do fígado estão relacionadas a diversas condições, como, por exemplo, o uso abusivo de álcool e drogas, infecções por vírus e alterações imunológicas e genéticas, incluindo hepatites, esteatose hepática (acúmulo de gordura no fígado), cirrose e câncer.

O hepatologista se ocupa da prevenção, do diagnóstico, do tratamento e do acompanhamento dessas condições, além de cuidar dos problemas das vias biliares, a exemplo de colelitíase (pedra na vesícula), atuando tanto clínica quanto cirurgicamente. A realização de transplantes de fígado também integra o escopo desse especialista.

Para acompanhar ou investigar afecções hepáticas ou da vesícula, conte com nossos hepatologistas altamente capacitados.